quinta-feira, 17 de julho de 2008

Lou Reed ou Leonard Cohen?

Partidas destas não se fazem. Segundo sei, o próprio Lou Reed ficou furioso quando se apercebeu de que iria tocar no mesmo dia que o escritor de canções canadiano. Ao que parece queria ir ver o concerto. E, por motivos óbvios, assim não irá conseguir.
A mim, a dúvida quase me provocou insónias. Já tinha vindo à pressa de Vila do Conde para ver o Neil Young (um grande concerto) que, por motivos profissionais, tive que escolher, em detrimento de Bob Dylan. Não me arrependi (Canadá 1 - EUA 0). E agora este confronto insólito. Umas contas rápidas. Será que não dá mesmo para conciliar? Ora o Cohen começa às 21 e o Lou Reed às 21 e 30. Dá para ver um pouco do Cohen em Algés, apanhar um táxi, chegar ao Campo Pequeno, acotovelar uns quantos para me aproximar do palco e assistir a meia dúzia de canções ou talvez ao encore. E depois ficar cheio de pena de não ter ouvido o final do Cohen nem o princípio do Lou Reed.
Obrigam-nos mesmo a escolher... E eu escolhi... Não vou dizer já.
Lembro-me que no inquérito feito aqui no blogue a maioria dos leitores optou por Cohen, é natural, é um músico magnífico, que raramente actua em Portugal.
No entanto, e apesar de já ter assistido a meia-dúzia de concertos, escolhi Lou Reed. Em primeiro lugar porque sou fã incondicional. Depois porque vai tocar de uma ponta à outra Berlin, que talvez seja o mais genial dos seus álbuns (e nunca ouvi nenhuma das suas músicas ao vivo). E, finalmente, porque ouvir Leonard Cohen no Passeio Marítimo de Algés é como falar em surdina na Cervejaria Portugália. (Canadá 1 - EUA 1). A desforra fica para quando vierem cá os Cowboy Junkies.

2 comentários:

dolphin.s disse...

já vieram. em 2001 se não me engano - Aula Magna.

I was there (só por causa do post mete nojo ;) )

Lágrima de sangue disse...

Boa tarde,

Coloquei um desafio no meu blog, espero que vejam e dêem a sua opiniao=)
Susana Freitas